terça-feira, 26 de junho de 2012

do baú

No fim de 2010 tive uma ideia com o Lyra, para uma história curta sobre uma das mais icônicas figuras brasíleiras. Discordamos um pouco sobre a abordagem e a coisa não foi pra frente. Ela pedia um desenho um pouco mais realista, então terminei o roteiro e mostrei para alguns colegas, mas ninguém se empolgou o suficiente. Talvez a história seja rasa demais, mas a minha ideia era essa, que nada ficasse muito claro (a dubiedade sendo um aspecto fundamental no clima do roteiro) ou fosse muito a fundo nos dilemas dos personagens, pelo menos num primeiro momento. Dependendo do resultado, poderia servir como uma introdução para uma história maior. Enfim, desisti de ver isso pronto algum dia, então achei melhor botar logo aqui, antes que o patrão empacote ou vá mesmo parar num asilo (bate na madeira). Fica aí como curiosidade, usem a imaginação.


Nenhum comentário: